Mulher Empreendedora e Franquia

Mulher Empreendedora e Franquia

Neste texto Mulher Empreendedora e Franquia levantamos pontos de dificuldade para o empreendedorismo da mulher, sabendo que todos esses pontos podem, devem e são superados. Neste mês que temos o Dia Internacional da Mulher, a Franquia Empresta celebra as mulheres pelo seu dia de luta por igualdade e incentiva àquelas que desejam empreender.

A participação da mulher no mundo dos negócios tem crescido consideravelmente nos últimos anos, principalmente, por causa das franquias. Enquanto em uma empresa normal as mulheres enfrentam muitas dificuldades para ascender na carreira, a franquia é uma ótima opção para as mulheres conquistarem sua independência financeira.

Além disso, outra vantagem da mulher empreendedora é contribuição para a movimentação do mercado e geração de novos empregos. Por mudarem as estatísticas sobre o número de mulheres abrindo franquias e atuando ativamente nos negócios, elas impulsionam mudanças tanto sociais como no mercado de trabalho.

Dificuldades que a mulher enfrenta para empreender

As mulheres que desejam empreender e abrir uma franquia costumam enfrentar diversas dificuldades. Separamos as mais comuns para que você conheça mais sobre o assunto e saiba como vencer esses impedimentos:

Preconceito

No mundo dos negócios as mulheres enfrentam constantemente o sexismo, discriminação fundamentada no sexo. Infelizmente, a opinião de muitos é que as mulheres não tem condições e habilidades suficientes para assumir a liderança de uma empresa ou franquia. É o velho discurso do “sexo frágil”.

Rotinas pesadas

Muitas empreendedoras tem mais de uma jornada de tarefas. Normalmente, além de ter que cuidar das demandas do trabalho, elas ainda cuidam da casa, dos filhos, e algumas até conciliam isso tudo com uma rotina de estudos. Esses diferentes afazeres, somado ao preconceito, torna o caminho da mulher empreendedora ainda mais difícil.

Pouco incentivo

Se não bastassem todas essas barreiras, uma outra dificuldade é o pouco incentivo dado às mulheres. Familiares e amigos muitas vezes não encorajam as mulheres que querem mudar de vida. Seja por medo de falhar, ou falta de conhecimento sobre o assunto, o apoio necessário para que a mulher se torne empreendedora muitas vezes não existe.

A falta de incentivo não se limita ao círculo de convivência da mulher. Ele é demonstrado também por muitas empresas de crédito. Infelizmente, o limite de crédito para as mulheres investirem, normalmente é inferior e menos acessível do que para os homens.

Falta de confiança

Com tantos empecilhos, é fácil entender porque muitas mulheres têm pouca autoconfiança. Enfrentar preconceitos, ter rotinas pesadas e pouco incentivo contribui para que a mulher acabe se sentindo incapaz. E isso pode impedir que várias mulheres capazes e habilidosas assumam posições de liderança e comecem o seu próprio negócio.

Mulher empreendedora

Na Franquia Empresta a mulher empreendedora encontra apoio e motivação para trabalhar. Mesmo com muitas responsabilidades, as mulheres conseguem administrar as franquias e ficarem mais perto da sua família. Dia 08 de março é um dia para lembrarmos da importância da luta pela igualdade e empoderamento das mulheres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *