Por que vale a pena ter uma franquia de correspondente bancário?

Quem está pensando em abrir um negócio no segmento financeiro conta com um fator muito importante no cenário atual: a constante queda da taxa básica de juros, a Selic. Após ser cortada para 5% ao ano, a projeção do Banco Central é de que ela feche 2019 em 4,5%. Na prática, como a Selic influencia as outras taxas de juros quando está mais baixa, há um estímulo ao consumo e à tomada de empréstimos e financiamentos.

E se as pessoas procuram mais por crédito, aumenta também a demanda por empresas que oferecem esse tipo de serviço. Contudo, todo segmento tem as suas vantagens e desafios, e o financeiro não é diferente. Vamos listar, neste artigo, alguns fatores para você avaliar na hora de abrir a sua franquia de correspondente bancário. Acompanhe!

Os desafios de ser um correspondente bancário por conta própria

Todo empreendedor, em qualquer área, encontra percalços ao abrir um negócio, principalmente em fase inicial. É comum nos depararmos com os vários pontos positivos e os negativos. Porém é preciso colocar na balança o que pesa mais, para conseguir tomar a melhor decisão para o seu futuro como empreendedor. Listamos alguns desses pontos, confira!

Lentidão de processos operacionais

As propostas dos clientes são submetidas ao sistema de análise de crédito da instituição bancária e, por isso, os correspondentes dependem do processo burocrático para liberação das respostas. Devido ao grande número de envio simultâneo, há risco de congestionamento e de consequente demora do retorno sobre a aprovação ou não da oferta.

Vulnerabilidade diante das oscilações da economia

Essa desvantagem abrange dois aspectos principais: os juros cobrados podem oscilar de acordo com a taxa básica de juros — como explicado no início do texto —, o que pode impulsionar ou diminuir a demanda por crédito pela população.

As vantagens do sistema de franquias

Uma opção para quem quer atuar no segmento e driblar essas principais dificuldades é abrir uma franquia financeira. Confira as vantagens do sistema de franquias e coloque todos os detalhes na ponta do lápis antes de fazer a sua escolha!

Apoio da franqueadora

Ao abrir uma franquia, você tem o direito de utilizar uma marca já consolidada no mercado. Por isso, vai sempre contar com o apoio da franqueadora e ter todo o respaldo e suporte para abrir o negócio com a empresa. Isso contribui para que os empreendedores não fiquem perdidos, como pode acontecer em um negócio que está começando do zero.

Além disso, o empreendedor tem a oportunidade de trocar experiências com outros franqueados. Ou seja, ele nunca está sozinho nessa empreitada.

Velocidade de expansão

As franqueadoras costumam investir muito em planos de expansão, desenvolvimento e aperfeiçoamento do seu negócio. E como elas já têm a expertise de mercado, desenvolvem estudos e projeções, e voltam seus esforços para o crescimento da marca. Este é um ponto muito positivo para todas as unidades associadas a ela.

Ou seja, optar por uma franquia de correspondente bancário é uma forma interessante de aproveitar os retornos que este mercado pode proporcionar, tendo suporte para lidar com as dificuldades encontradas por correspondentes que atuam por conta própria.

Quer tirar outras dúvidas sobre como abrir uma franquia financeira? Entre em contato conosco e conheça mais sobre o assunto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *