Por que e como calcular o payback da sua empresa?

Em quanto tempo terei o retorno do capital que vou investir no negócio? Essa é uma pergunta frequente entre empreendedores que estão começando um negócio ou pensando em abrir uma franquia de sucesso. A boa notícia é que existe uma forma simples de responder a esta pergunta utilizando o payback.

Com esse indicador, o cálculo é fácil de ser feito, já que informa com precisão em qual momento a lucratividade será proporcional e compensará o valor investido inicialmente. Já ouviu falar nessa ferramenta? Quer entender como calcular o payback do seu negócio? Continue a leitura desse artigo e fique por dentro!

O que é e qual a importância do payback?

Payback significa, literalmente, “retorno”. De forma bem simples, essa é uma ferramenta que permite calcular quanto tempo é necessário para que uma empresa obtenha o retorno sobre o dinheiro que foi investido na sua criação ou na implantação de um determinado projeto, por exemplo.

É um indicador muito importante que ajuda, de forma simples e precisa, como estimar um capital de giro necessário para a empresa se manter enquanto não tem a lucratividade esperada. Assim, também auxilia na tomada de decisão sobre investir, o quanto e quando investir, e como fazer o planejamento financeiro da empresa.

Como calcular o payback da sua empresa?

Existem duas formas de calcular o payback, utilizando o método simples e o descontado. Nas duas maneiras é utilizada a fórmula: investimento inicial/ganho do período. Ou seja, divide-se o valor que foi investido pelo ganho no período em que se deseja calcular o retorno. Vamos a um exemplo, inicialmente, do método simples.

Payback simples

Imagine que uma fabricante de aparelhos de som gaste R$ 300 na fabricação de cada peça e queira reduzir esse custo em 10% ao investir em uma tecnologia que custará R$ 500 mil. A tecnologia tem custo elevado, mas vai garantir economia de custo por unidade, levando em consideração que a empresa produz 10 mil itens por mês.

A conta será a seguinte:

  • R$ 300-10% (custo por produto menos percentual a ser economizado) = R$ 270 por unidade. Ou seja, R$ 30 de economia.
  • Agora, calculamos o valor a ser investido na tecnologia e dividimos pela economia por unidade: R$ 500 mil/R$ 30= 16.666 mil.

Já que a empresa produz 10 mil itens por mês, para calcularmos em quantos meses a empresa produzirá as 16.666 mil unidades para ter o retorno sobre o investimento de R$ 500 mil, faremos o seguinte cálculo:

  • 16.666/10.000 =1,66 mês. Ou seja, em pouco mais de um mês a companhia já terá o valor investido para redução de custo por item fabricado.

Payback descontado

O método descontado leva em conta o valor do dinheiro no tempo e o fluxo de caixa da empresa com as taxas de desconto, o que torna o cálculo mais detalhado. Para realizar esse cálculo, é só fazer esse mesmo procedimento inicial e, a partir daí, subtrair pela taxa de desconto que for obtida no fluxo de caixa.

Quais as vantagens desse indicador?

Além de ter uma fórmula simples e fácil de ser aplicada, o payback também informa qual o risco do projeto ou da abertura da empresa, qual a segurança do negócio. Afinal, você saberá exatamente se terá, e em quanto tempo, o retorno sobre o valor investido. A partir disso, poderá elaborar seu plano de negócios, visando ao crescimento da empresa.

Neste artigo, tratamos da importância de entender o que é e como calcular o payback e isso já não deve ser mais uma dúvida para você, certo? Todo modelo de negócio, já existente ou ainda em fase de implantação, deve contar com ferramentas e técnicas eficazes que podem auxiliar no melhor planejamento e na redução de erros e falhas.

Quer receber mais dicas como essa e ficar por dentro de assuntos relacionados à gestão da sua empresa? Assine nossa newsletter e não perca nada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *